Quem é Jaufran Siqueira

Jaufran Siqueira

Tudo que você precisa saber sobre Jaufran Siqueira

Cofundador e presidente do Instituto Filipe Camarão, principal organização e think tank conservador do estado do Rio Grande do Norte, Jaufran Siqueira é palestrante, empresário e apresentador do Expresso Nacional. Responsável por retirar, através de emendas e projetos de lei, a ideologia de gênero e aprovar o Escola Sem Partido em diversos municípios do estado, Acredita que o próximo presidente do Brasil deve ser honesto, cristão e patriota, por isso que apoia Jair Bolsonaro

Deus acima de todos

Cristão convicto, Jaufran Siqueira nunca deixou de participar, com mais ou menos intensidade, da vida cristã. Batizado poucos dias depois da nascer, através do exemplo de caridade dos pais, seguiu sempre o caminho da cristandade. Isso inclui sobretudo os pecados cometidos e posteriormente confessados.

Participou da Comunidade Católica Shalom de 2005 a 2008. Na último domingo de outubro de 2008 conheceu a Missa Tradicional celebrada já fazia um ano na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. De onde nunca mais saiu.

Tornou-se acólito, cerimoniário e coordenador da liturgia Tradicional no Rio Grande do Norte. Cofundador e conselheiro da Associação Una Voce Natal, única reconhecida no Brasil pela Federação Internacional Una Voce.

A formação acadêmica

Em 2010, mesmo ano em que começou o ativismo político, Jaufran Siqueira ingressou no curso de filosofia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, onde – ironicamente, conheceu a obra do filósofo brasileiro Olavo de Carvalho de Santo Tomás de Aquino. No ano seguinte matriculou-se em Teologia na Faculdade Dom Heitor de Araújo Sales em Natal/RN.

Contudo ingressou no curso de Marketing da Universidade Potiguar, onde graduou-se e conquistou o Prêmio Pré-Consultores Sebrae/UnP

Em 2017 matriculou-se no curso de Direito da Universidade Potiguar, mas trancou o curso em 2018 para dedica-se as causas que permeiam as necessidade atuais da sociedade potiguar e do Brasil.

Estuda e pesquisa sobre marketing digital, filosofia, teologia, comunicação, política e ciências militares.

O homem de negócios

Vocacionado desde a infância ao empreendedorismo, rejeitou quaisquer tentativas de buscar no serviço público a “estabilidade” profissional que tanto jovens buscam hoje.

De sair pelas ruas vendendo “dindin” no bairro onde hoje ainda mora a uma imobiliária, programa de TV, instituto e restaurante. Os negócios e o empreendedorismo sempre foram a veia que mais pulsou em Jaufran Siqueira.

Foi consultor empresarial e começou a carreira no mercado imobiliário como corretor de imóveis  na maior rede de imobiliárias do mundo: a RE/MAX BR Realty. Hoje é CEO da Brasil Property Realizações, Presidente do Instituto Filipe Camarão e administrador do Restaurante Novo Grill.

Brasil acima de tudo: o começo

Em 2010, junto com outros jovens, fez umas das maiores contracampanhas de Dilma Rousseff na história do Brasil quando por ocasião do segundo turno das eleições presidenciais – Dilma havia vencido em todas as cidades do RN: realizou diversas ações de marketing de guerrilha contra a candidata petista em duas, das três maiores cidades do estado: Natal, a capital, e Parnamirim. O resultado dessa contracampanha foi a derrota de Dilma em ambas as cidades. Coisa essa que não se repetiu no ano seguinte com o novo grupo que assumiu a responsabilidade de tentar mudar os quadros no RN.

Foi a primeira grande vitória dos conservadores potiguares. A Direita havia ressurgido.

A batalha pelas crianças

Por ocasião do grande ativismo da comunidade LGBT e dos setores progressistas do Congresso Nacional, a ideologia de gênero havia sido implantada no Plano Nacional de Educação, contrariando a lei aprovada que extinguia quaisquer menções a Teoria da Identidade de Gênero. Esse plano foi enviado para as Câmaras Municipais e as Assembleias Legislativas de todo o Brasil.

Quando o plano foi apresentado, em 2015, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Jaufran Siqueira elaborou uma emenda e dedicou 200h para apresentar a problemática e convencer 22 dos 24 deputados a votar a favor da emenda apresentada que retirava quaisquer menções a ideologia de gênero no Plano Estadual de Educação no Rio Grande do Norte.

Nossa segunda grande vitória.

3 meses após, foi a vez da Câmara Municipal de Natal votar o seu Plano de Educação. E lá também constava a famigerada e perversa ideologia de gênero. O procedimento foi o mesmo. Contudo tivemos mais oposição: tínhamos agora não apenas um parlamentar esquerdista, mas 8 dos 29 vereadores de Natal dispostos a fazer o “diabo” para aprovar a manutenção da ideologia de gênero.

Os debates foram mais intensos. Os nervos estavam a flor da pele. A esquerda não queria perder mais uma, e de novo para Jaufran Siqueira. O assunto foi tema de um debate ao vivo promovido pela Globo, onde Jaufran enfrentou o professor Rodrigo Oliveira. Este antes tivesse ficado em casa.

Quando a emenda foi ao plenário ela já estava aprovada, pois Jaufran Siqueira havia conseguido 16 das 29 assinaturas possíveis. Ou seja, já tínhamos maioria quando a matéria foi para votação.

Nossa terceira grande vitória.

Escola Sem Partido

Em junho de 2017 trouxe para Natal o fundador e presidente nacional da Associação Escola Sem Partido, o Dr. Miguel Nagib, para debater e apresentar o Escola Sem Partido na capital potiguar.

Em um auditório lotado e com a presença da mídia, o Dr. Nagib explanou a realidade da educação brasileira e a necessidade de um projeto que vise tornar eficaz a legislação brasileira e internacional em favor das crianças e das famílias.

Os 3 dias que o Dr. Nagib permaneceu na cidade foram de maratona na imprensa com diversas entrevistas na rádio, TV, internet e jornais.

Após isso, Jaufran Siqueira trabalhou junto a diversas Câmaras Municipais onde conseguiu aprovar o Escola Sem Partido e diversas leis contra a ideologia de gênero.

A batalha se seguiu com mais vitória. Uma atrás da outra.

Jaufran Siqueira pelo Escola Sem Partido

Ativismo jurídico

Em 2016, por ocasião de abandono do trabalho dos professores da UFRN para ir fazer manifestação política, Jaufran Siqueira entrou com uma representação no MPF para compensação de horas de trabalho contra os professores “grevistas” que deixaram de ministrar aula para protestar contra Temer.

Tivemos nossa solicitação deferida, e os professores tiveram que trabalhar a mais para compensar as aulas que deixaram de ministrar.

Quarta vitória.

A fundação do Instituto Filipe Camarão

Em 2012, como fruto das diversas ações realizadas pelo grupo de jovens conservadores da UFRN, surgiu a semente de se criar um instituto capaz de fazer frente a esquerda e servir de background para a militância conservadora no Rio Grande do Norte. Contudo, somente em 4 de março de 2017 que essa organização cria corpo e estatuto: nasce, através da iniciativa de Jaufran Siqueira e outros 3 professores das 3 principais universidades do estado, o Instituto Filipe Camarão – IFC.

Durante todo o ano de 2017 foram realizados 22 eventos organizados ou coorganizados pelo IFC. Com uma média de 50 pessoas por evento. Palestras realizadas em sua maioria na UFRN sobre filosofia, história, política, direito, ciências. Foi a primeira vez que o debate dentro de uma universidade pública ganhou caráter democrático, pois através do Instituto Filipe Camarão levamos o contraponto aos ideais esquerdistas.

Eventos com o Dr. Miguel Nagib do Escola Sem Partido, a Marisa Lobo e a Casa Imperial permearam os fins de semana da sociedade potiguar.

Jaufran Siqueira

I Encontro Monárquico do Rio Grande do Norte

Após 3 meses de preparação, Natal sediou o I Encontro Monárquico do Rio Grande do Norte em uma grande parceria entre os monarquistas locais que convidaram o Jaufran Siqueira para organizar o evento que se tornou um sucesso tanto de adesão quanto de visibilidade, tendo em vista que novamente levamos a grande imprensa para cobrir o evento que contou com a presença e a palestra de S. A. R o Príncipe Dom Rafael, o Dr. Sepúlveda, o Prof. Ibsen Noranha, da Universidade de Coimbra, e os professores Ivanaldo Santos e Anderson Tavares de Lyra do Instituto Tavares de Lyra e presidente da Academia Macaibense de Letras.

Jaufran Siqueira

Jair Bolsonaro em Natal

Em junho de 2017 coorganizamos a primeira visita oficial de Jair Bolsonaro ao Rio Grande do Norte para ministrar a palestra “O Futuro do Brasil” para mais de 1500 pessoas no Praiamar Hotel. Seguindo mesmo roteiro da visita do Dr. Miguel Nagib, o deputado carioca realizou uma verdadeira caravana nos veículos de imprensa tendo, proporcionalmente, a maior audiência de todas as cidades que visitou.

O evento organizado pelo Grupo Radar-RN virou referência no Brasil e se tornou modelo para todas as cidades que quisessem receber o Jair Bolsonaro.

Jaufran Siqueira e Jair Bolsonaro

Organização da militância conservadora no RN

Após a visita do deputado Jair Bolsonaro, começamos a caravana pelos diversos municípios onde tínhamos representação: dos 167, 101 cidades do RN tinham ao menos 2 representantes. Hoje, todas as 167 cidades do Rio Grande do Norte tem militantes conservadores graças as diversas cidades que visitamos no começo com o nome de “Bolsonaro e o Futuro do RN”, hoje, “Encontro dos Apoiadores de Bolsonaro”.

O Rio Grande do Norte novamente se tornou referência em organização e capilaridade.

Jaufran Siqueira e Jair Bolsonaro

Todas as cidades do Rio Grande do Norte tem militância e liderança conservadora estabelecida. Somos hoje a maior força político do estado

A vez da mídia conservadora: nasce o Expresso Nacional

Na busca em ocupar os espaços hegemônicos da esquerda, criamos o programa Expresso Nacional. Diariamente durante 15 minutos falamos sobre a fakes news do momento, desmitificamos os ataques contra Jair Bolsonaro e mostramos as verdadeiras intenções por trás da mídia esquerdista manipulada por interesses antipatrióticos.

O Expresso Nacional apresentado por Jaufran Siqueira é veiculado na TV Ponta Negra News – TV fechada, e nas redes sociais youtube.com/Jaufran e facebook.com/Jaufran

Analisa como Bolsonaro estava certo sobre a China, a fraude nas urnas eletrônicas e se os direitos humanos deveriam acabar, por exemplo

Após 8 anos de caminhada, estudos, batalhas, vitórias e derrotas, essa é a trajetória, um pouco calejada, cheia de motivos para desistir e descansar. Seguir uma vida normal e confortável como o da maioria dos brasileiros que optam somente pelo trabalho, família e Igreja nunca foi uma opção para mim. A consciência me obrigava a sair da cama, sair da zona de conforto e entrar na zona de conflito pelos ideais que acredito serem os da Nação brasileira.

Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez